31 de mar de 2017

anjo



Qual é a mínima duração de uma convivência para ser lembrado?
Estava aqui cuidando de afazeres, escrevendo à mão (preciso de coisas anotadas sem necessidade de abrir o computador)... e de repente, depois de dois anos, pensei no Lucas.
Foi uma única noite numa conversa breve, ele já muito debilitado pela doença, mas com aquele humor-amor ainda inabalável.
Foi tudo o que pudemos ter em amizade.
Imenso, tanto quanto pode ser imenso o mínimo... o exíguo esbarrão numa calçada da vida.
E no entanto, só lembro que ele sorria na foto. E tinha uma dancinha esquisita que ele gravou em vídeo, pra mostrar que nerds também dançam.
Luquinhas.

.